Kigali - Todos os voos que passam pelo aeroporto internacional de Kigali a partir de agora contam com um sistema mundial de navegação por satélite (GNSS), um novo dispositivo de navegação digital para responder às normas da aviação de classe mundial, declarou quinta-feira em Kigali um alto responsável da Autoridade de Aviação Civil do Ruanda (RCAA).

O chefe das comunicações e relações públicas da RCAA, Tonny Barigye, afirmou que os novos sistemas reduzem o tempo de viagem, bem como os custos aos operadores porque os aviões consomem menos combustível.

"Ele vai substituir (brevemente) o antigo sistema de navegação clássica no solo usado na indústria da aviação e considerado fraco devido à ausência de flexibilidade", explicou.

O novo sistema será usado para guiar os pilotos durante a descolagem inicial na altitude de cruzeiro e a aterragem controlada no ponto de referência de aproximação inicial, segundo Barigye.

As estatísticas oficiais indicam que o aeroporto internacional de Kigali registou um aumento de seis porcento do tráfego de passageiros com cerca de 580 mil e 505 viajantes em dezembro de 2015, comparativamente aos 568 mil e 981 passageiros no mesmo período em 2014.

Reserve já

motor reservas

Newsletter

introduza os seus dados de registo| enter your registration data| entrez vos données d'inscription