A ligação aérea direta entre Lisboa e Pequim, com voos regulares, foi apresentada durante evento na capital portuguesa, a que esteve presente o primeiro-ministro António Costa. Na ocasião, Costa disse que Portugal espera reforçar sua posição como um “grande ‘hub’ intercontinental.

“Com a abertura de mais esta ligação, reforça-se a dimensão de Portugal, que hoje já é um grande centro de conexão dos voos para o Brasil e África, como grande ‘hub’ intercontinental”, disse o primeiro-ministro.

A cerimônia de lançamento da nova linha aérea contou com a presença do presidente do Parlamento chinês, Zhang Dejiang, que está em visita a Portugal, informa a Lusa/ABr.

António Costa destacou que os voos diretos Lisboa-Pequim começam a partir de 26 de julho. A rota vai ser operada pela Beijing Capital Airlines (BCA), do grupo Hainan Airlines (HNA), que é indiretamente acionista da TAP, por meio de participação no capital da brasileira Azul, que integra o capital da transportadora aérea portuguesa.

Folheto de publicidade da companhia aérea chinesa anuncia viagem de ida e volta entre Lisboa e Pequim, no período de 26 de julho a 31 de dezembro de 2017, em classe “Econômica”, por 300 euros, cerca de R$ 1.200,00.

Reserve já

motor reservas

Newsletter

introduza os seus dados de registo| enter your registration data| entrez vos données d'inscription