O grupo TAP, cuja gestão foi entregue pelo Estado português a um consórcio de empresas privadas,  o Atlantic Gateway, registou, em 2018, um prejuízo de 118 milhões de euros, valor que compara com um lucro de 21,2 milhões de euros registado no ano anterior, foi hoje (22) anunciado.

“Tivemos um prejuízo líquido consolidado de 118 milhões de euros […]. Os resultados vão além do prejuízo, já que a empresa não causa impacto somente através do seu resultado financeiro”, disse o presidente da Comissão Executiva da TAP, Antonoaldo Neves, que falava aos jornalistas, em Lisboa.

Por sua vez, a receita do grupo passou de 2.978 milhões de euros em 2017 para 3.251 milhões de euros em 2018, traduzindo-se num aumento de 273 milhões de euros, mais 9,1% face ao período homólogo.

“O ano de 2018 foi difícil para a TAP quer em termos operacionais, quer em termos económicos e financeiros, mas foi um ano que não comprometeu o nosso futuro. Um ano que nos permitiu continuar a criar raízes para que o plano estratégico possa ser implementado como previsto”, disse, por sua vez, o presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho.

O consórcio Atlantic Gateway – formado pelo grupo português de transportes rodoviários Barraqueiro e pela transportadora aérea brasileira Azul, criada pelo investidor norte-americano David Neeleman – detém 45% da TAP, sendo o Estado português dono de 50% do grupo, estando os restantes 5% do capital nas mãos dos trabalhadores.

No processo de alienação de capital, o atual governo português, do primeiro-ministro António Costa, do PS, na sequência de uma profunda crise na transportadora, herdada do governo anterior, liderado pelo ex-primeiro-ministro Passos Coelho, do PSD, reformulou o processo de privatização da TAP, mantendo a presença do Estado português com uma participação de 50% do capital, mas entregando a gestão da companhia aérea ao consórcio privado.

Antigos executivos da empresa têm vindo a apontar repetidos erros de gestão em várias áreas ao consórcio que administra a companhia, desde o setor operacional ao marketing, ou ao relacionamento com o público e com os fornecedores.

Reserve já

motor reservas

Newsletter

introduza os seus dados de registo| enter your registration data| entrez vos données d'inscription