Brasília - As experiências do Brasil relacionadas às atividades turísticas e políticas de estratégias de promoção do turismo brasileiro no mercado internacional foram tema de um encontro esta semana entre o presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Vicente Neto, o embaixador de Moçambique no Brasil, Manuel Lubisse, e o conselheiro econômico para Assuntos de Turismo e Cultura da Embaixada de Moçambique, Romualdo Johnam.

"O objetivo da reunião foi tratar sobre um termo de cooperação técnica assinado entre a Embratur e o Instituto Moçambicano de Turismo para troca de experiência e capacitação de representantes do setor de turismo no país africano. Moçambique quer compartilhar a experiência brasileira em promoção internacional", explicou o presidente Vicente Neto.

De acordo com o embaixador Manuel Lubisse, Moçambique tem algumas semelhanças com o Brasil, como as praias de água cristalina e areia branca. "Por isso, também, julgamos importante trocar experiência e capacitar formadores moçambicanos na divulgação das ações realizadas no exterior pela Embratur. Isso nos ajudará a desenvolver o turismo em nosso país para atrairmos mais estrangeiros", declarou.

O presidente da Embratur reforçou o interesse do Governo Federal em aproximar-se cada vez mais do continente africano. "Ampliamos nossa política externa voltando os olhos para a África e a América Latina. Vamos cooperar com o governo moçambicano com toda a experiência adquirida ao longo desses 48 anos", garantiu Vicente Neto.

Reserve já

motor reservas

Newsletter

introduza os seus dados de registo| enter your registration data| entrez vos données d'inscription